segunda-feira, 16 de janeiro de 2006

A partir de hoje, postarei aqui no blog tudo que eu penso sobre todas as religiões que eu conheço... Tudo bem que o que eu penso nada vale mas... Quem liga? ;P

Budismo

Junto do neo-paganismo, minha religião favorita.

Primeiramente... Uma religião pra mim deve-se basear sempre no respeito. Respeito é tudo na vida que temos e que devemos demonstrar ao próximo. Também não gosto de religiões que passam "estabilidade", como se existisse sempre algo no universo imutável, que tudo é errado, etc.

Buddha em seus tempos de vida já dizia: "A verdade cada um tem a sua", ou algo assim. Até ele, o fundador da religião dizia que a religião dele não é a perfeita, que quem não seguir não ascenderá ao paraíso! Além de tudo uma religião feita na humildade, que se resume a: "Não se drogue, não mate, não tenha uma conduta sexual indevida"... Não tem esse papo de ficar virgem e tal...

Com todo meu respeito por todas as outras religiões... Porém eu vejo hoje no budismo algo que eu procuro há tempos. Não sou budista ainda... Mas adoraria ser budista. Pratico meditação e sei quanto é bom, e se eu não meditasse talvez hoje já estaria mais louco do que eu sou.

Mas também uma coisa que eu adoro nessa religião é o próprio Siddartha Gautama, o Buddha histórico, o desperto. Sua história de vida, seus feitos, seus ensinamentos... Alguém como ele viver numa época antes mesmo de Jesus Cristo e ensinar tudo isso! Realmente ele era um cara bom... Enquanto Jesus engatinhava, Buddha já corria!

É um exemplo de vida, de perseverança que eu admiro e muito. Um dia ainda quero fazer igual a Buddha... Sinto no meu coração um vazio, e por isso preciso andar, como Buddha. Pois quando eu ando as coisas vem melhor na cabeça, as idéias, tudo mais. Um dia ainda serei um mendigo-andarilho... Só preciso de algo pra me despertar isso. ^^

Acho que só... Com todo meu respeito a todas as religiões, eu adoro Buddha e Cristo principalmente. São tipo, meus heróis. Não falando do lado da igreja, do lado da religião... Mas eles eram gente muito cabeça, que exatamente por olhar tudo por outro aspecto são lendas até hoje. E como lendas são eternas, seus nomes são clamados até hoje em dia, milhares de anos depois deles morrerem.

Sabe... Eu também as vezes olho tudo ao meu redor com outros olhos... Espero um dia passar isso a todos. Que Buddha esteja com vocês. =)

0 comentários:

Postar um comentário

Arquivos do blog