terça-feira, 12 de dezembro de 2006

Há exatamente dezoito anos, nesse mesmo dia, nascia uma das pessoas que não precisou de muito tempo para ter uma amizade quase que se a mesma houvesse iniciado desde quando éramos crianças. Um ano e poucos meses pra ser mais preciso. Sim! É esse bebezinho aqui do lado esquerdo. Sim... No dia 12/12 de 1988 nascia Manuela Brandão, minha querida irmãzinha Hokuto-chan.

Hoje ela está fazendo dezoito anos. Enfim, né? Hehehe... Brincadeiras a parte, eu só tenho que desejar tudo de bom e o melhor pra ela. Eu, infelizmente, sou um desnaturado e um bobão, afinal ela é uma das pessoas mais importantes na minha vida, e é bem raro citá-la nos posts... Mas hoje Manu, no seu dia, esse post é dedicado apenas e exclusivamente a você. Afinal... Hoje é o seu dia! AEEEE!

Gente, ela ta em Salvador, na terrinha! Sim... Nossas coincidências já começam por aí... Nós dois temos o sangue da "terrinha" nas nossas veias. Minha mãe, baiana de Cícero Dantas (pertinho de Sergipe) veio pra São Paulo e eu herdei dela minha parte baiana. Ela também por sinal, só que não tenho certeza se é apenas a mãe dela que é baiana ou o pai também. Enfim...

Se tiver algo que é interessante conosco é como descobrimos um do outro a cada dia que passa. Sim, mesmo hoje em dia, por isso apenas o fato de se falar "conhecer uma pessoa" não é válido, afinal a cada dia nós nos conhecemos um pouquinho mais. Ela é uma das únicas pessoas que eu me sinto bem e confidente sobre falar sobre o meu passado. Pra quem me conhece sabe: eu estritamente nunca falo sobre meu passado. Digo minha fase entre os 11 anos até uns 16 ou 15. É um período que eu me esforço até mesmo nos dias de hoje para esquecer, mas com ela eu me sinto tão bem... Como se já nos conhecêssemos, sabe? Acho que somos irmãos separados do nascimento, hehehe!

Essas são fotos dela. Bonita ela né? Claro que sim... Tem que ser minha irmã gente! Mas ela é baixinha, hehe... Não puxou a altura da família. O que? Mas é claro! Eu a conheci pessoalmente em julho desse ano, quando ela veio com a família aqui para São Paulo. Sim... Se primeira me impressionei com a altura dela, de contrapartida a voz dela, é baixinha e meiga. Mas não fique pensando que ela é uma qualquer não! Ela é batalhadora, inteligente, visionária, independente e tem personalidade! Tem menina melhor pra ter como irmã?

Conhecemos-nos no Ragnarök On-line, quando eu jogava com meu sábio e ela com a noviça dela. Começamos com um emotions e já estávamos trocando MSN. Conversamos e... Boa notícia: a conversa continua até hoje. Faz pouco mais de um ano, mas ela virou alguém extremamente importante.

Opa... Tirem o olho da minha irmãzinha também. Ela já tem namorado. E é um amigão meu também! Rodrigo, gente finíssima que eu conheci também em julho. Um cara muito legal e inteligente! Os dois se merecem, literalmente. Já a fiz prometer que, se rolar casório, eu quero sentar na primeira fila do lado da noiva. Afinal sou da família já, sim? ^^

Ela foi uma das únicas pessoas que acompanhou, e com detalhes, tudo o que aconteceu na minha vida de bom e ruim nesse último ano. Testemunha ocular e tudo. Aconselhou-me, na grande da maioria segui os conselhos dela e me dei bem. Quando não segui me danei de todas as formas possíveis. Vêm sendo figurinha carimbada no eu coração e só o fato de conversar com ela já anima meu astral mesmo nos piores dias. Afinal ela me entende e me ouve. Sabe... Seres humanos dificilmente entendem o ouvem, então acho que achei a minha mina de ouro.

Eu só tenho um irmão de sangue, que eu o amo também muito. Irmã eu já tive, mas perdi contato. Não era de sangue, claro. Mas essa irmã é deveras especial. É engraçado que vindo do computador - uma coisa tão fria - um sentimento tão bom de fraternidade. Manu, eu já falei que você é especial, e por isso mesmo vou repetir, você é mais que especial.

Ela ta com um desenho meu lá em Brasília! Um dos meus desenhos mais antigos que eu fiz está com ela. Uma cópia de um mangá que eu fiz também ela tem. Eu já mandei uma cartinha, mas pretendo enviá-la a segunda ainda nesse ano! Tenho que correr!

E por isso mesmo já que essa coisa fofa está fazendo aniversário hoje, eu desejo pra você do fundo do meu coração não apenas um "tudo de bom". Isso é fácil demais, sem contar que você já é tudo de bom, então o que desejar?

Pensando... Pensando... Pensando... Fumaça saindo da cabeça... Pensando...

Se eu pudesse ver uma estrela cadente agora e fizer um pedido, eu pediria que você nunca me deixasse e nem que vá para longe de mim. Manuela, a sua amizade me revigora me deixa feliz, tira um grande peso das minhas costas e é sempre algo memorável.

Sei também que nada é pra sempre. Lembra que eu te disse isso na minha carta? Um dia todos "vamos embora". Deixamos coisas pra trás, acontecem imprevistos, enfim. É idiotice acreditar que isso não irá ocorrer, afinal não vivemos na terra no nunca, mas sim no mundo real, onde tentamos levar nossas vidas. Sei que, se você sumir, se algo acontecer com você ou algo do tipo, um rombo enorme será aberto no meu coração. E eu tenho medo que nada nesse mundo possa repor esse espaço perdido.

Será como perder uma irmã de verdade, de fato.

Saiba que, sempre que precisar de um ombro amigo, de um conselho de irmão, de uma mão pra te puxar quando estiver caindo, pode ter certeza que eu estarei lá. Sua amizade é algo que eu irei guardar no meu coração durante o resto da minha vida. Você é muito, mas muito especial e importante pra mim, não se esqueça!

De resto, que tenha muitas felicidades no seu aniversário, que você viva por muito tempo feliz, com saúde, muita sabedoria, dinheiro, amor e não se esqueça que existem pessoas que te amam e te quer o bem. E essas pessoas jamais sairão do seu lado, sim?

Felicidades minha querida irmã. Não apenas nesse dia, mas em todos da sua vida.
Com carinho,
Alain-chan

0 comentários:

Postar um comentário

Arquivos do blog