segunda-feira, 1 de junho de 2009

Mulheres, sempre elas.

Estava procurando um vídeo que há muito vi recebido por e-mail, no meu finado e-mail do Terramail que depois de me ter feito tirar uma nota ruim porque ele não enviou um e-mail há uns seis anos atrás eu o abandonei e nunca mais acessei esse serviço porco que ainda é pago.

O vídeo em questão é o Women in Art, uma montagem contendo diversos quadros com uma transição suave e bacana mostrando os mais de quinhentos anos de retratos femininos. Pra quem não sabe: o primeiro quadro a ser pintado com uma mulher é comumente atribuído para La Gioconda, ou Monalisa para os não íntimos, de Leonardo Da Vinci (outra coisa que muita gente erra é colocar o Da minúsculo). Talvez alguém até pergunte: "Ah, mas eles retratavam por exemplo, Maria, mãe de Jesus Cristo! Ela era mulher!", sim! Mas mulheres normais, burguesas, nunca eram retratadas, afinal não tinham a divindade da Nossa Senhora.

Um dia quem sabe as mulheres que eu retrato estará aí...!

Porém, essa postagem eu quero mesmo é chamar a atenção para outra questão. Existe uma triste frase que "Mulheres só conseguem entrar em museus se estiverem nuas num quadro, nunca como artista conceituada" e acho que vale a pena mostrar aqui que esse machismo infelizmente invade e se perpetua até numa das áreas do conhecimento mais tradicionais e que mais evoluíram nos últimos tempos, ainda em pleno século XXI ainda termos tão poucas mulheres artistas conceituadas (Yoko Ono não vale!) expondo tanto quanto os homens. Vamos dar uma chance, e sair dessa era medieval que "proibia" mulheres de fazer arte.

0 comentários:

Postar um comentário

Arquivos do blog