terça-feira, 3 de agosto de 2010

Mas ninguém mete o pau, nem diz o que pensa...

Dizem que vivo num país democrático.
Mas estamos mergulhados numa ditadura mais forte qualquer uma antes vista. Uma ditadura do "bom senso".

Hoje vivemos num mundo onde dar "tapinhas nas costas", e viver na base da esportiva é o mais indicado. Que merda! Ninguém mais fala mal de ninguém, e mesmo quem fala, como um Kajuru ou Ratinho da vida, é taxado como um merda da sociedade. Inclusive um "Alain".

Vão se danar! Eles calam as pessoas e colocam rótulos do que é "certo" ou o que é "errado". O ser humano é assim desde o começo. A mais nova é a proibição das touradas da Cataluña. Tem gente que nunca viu um boi sendo morto, fizeram tanta propaganda negativa do negócio que até mesmo o povo catalão aprovou a idéia, e balançaram a cabeça pro mundo pensando "sim, somos mesmo uns selvagens, uns merdas! nos desculpe!".

Não estou querendo dar uma de Arnaldo Jabour. Odeio esse resquício de inteligência "Global".
Mas do que seria o mundo se nós apenas agíssemos quando a imprensa dissesse que isso ou aquilo é errado, imoral, ou engorda? Quando as pessoas começaram a pensar e raciocinar por si mesmos, não pelo que Jornal Nacional diz ser certo ou a CNN diz ser errado?

Aí esse "bom senso mundial" nos faz proteger uma árvore na Av Santo Amaro quando distâncias de estádio de futebol cheias de árvores estão sendo derrubadas no meio da amazônia de Rondônia. Ou então pensamos que desligar a água quando fazemos a barba vai mudar alguma coisa quando a agricultura disperdiça trilhões de litros e polui outros tantos com agrotóxicos.

Ah, vão pro inferno e essa "moralidade" de merda! As pessoas se acostumaram a se calar e não reclamar de nada. Assim estamos nos encaminhando pra uma obediência extrema e imbecil...

0 comentários:

Postar um comentário

Arquivos do blog