segunda-feira, 6 de dezembro de 2010

Haunted Chase.

Na minha última ida ao interior resolvi dar uma corrida, indo da casa do meu avô (que é no meio do mato) até a cidade mais próxima.

Durante o caminho, existe uma casa isolada no mato. Próximo a uma subida com uma curva, uma verdadeira "curva da morte". Uma galera já morreu ali, inclusive uma tia minha. Quando estava me aproximando vi vários crucifixos na frente de um caminho de terra que dava reto com a tal casa isolada no mato.

Era estranho pois, para uma casa onde ninguém mora há dezenas de anos existir ainda um caminho tão perfeitamente desenhado no chão.

Enquanto corria, vi os crucifixos, depois o caminho no chão e foquei na casa. Foi aí que vi um homem, grande, de porte meio mulato dentro da casa. Ele caminhou na frente da porta e olhou pra mim. Estava vestindo uma calça azul escura e uma camisa laranja.

Na hora entrei em pânico, e estava no meio de uma estrada vicinal. Comecei a acelerar o passo pra fugir dali. Existia alguém naquela casa, e não parecia ser "alguém". Pois pessoas vivas dificilmente me daria medo. Normalmente esses seres tem uma aura estranha que sinto meu coração quase que parar.

De volta a casa do meu avô, comentei com ele. Descrevi o cara e ele disse que era muito similar a um rapaz que morreu de moto ali no local há alguns meses.

Inclusive a roupa. E eu nem sabia que um cara tinha morrido lá. Nem nenhum detalhe assim que causasse tantas coincidências.

Já tinha muito tempo que não via esse tipo de coisa, mas essa vez foi muito estranho.

0 comentários:

Postar um comentário

Arquivos do blog