terça-feira, 26 de junho de 2012

"Meu filho vai ser pegador!"

Ontem na volta pra casa estava na minha condução e tinha um cobrador de ônibus conversando com uma novinha, que ele já conhecia. A menina não era lá essas coisas também, menina de periferia, né? Dá pra perder uma meia horinha...

Ele estava comentando com ela que seu filho tinha nascido. Estava com quatro meses, mas ele predizia que o garoto seria um pegador. COM QUATRO MESES DE VIDA.

Disse que era bom os outros pais se cuidarem, porque filho homem não é criado pelos pais, mas é criado pelo mundo. E que ele estaria solto por aí, e problema seria de quem não prendesse suas filhas, porque ele seria um galo e o problema seria das outras galinhas soltas.

O tal cobrador disse que tinha uma filha também, mais velha que o bebê. Disse que cuida dela, mesmo ele mal tendo os dentes da frente. E os que tem são todos pretos.

Quando a novinha que ele conversava interrogou-o dizendo da onde o ignóbil cobrador tirou evidências de que seu rebento teria capacidade acima da média na arte de conquista do coração de seres humanos do sexo feminino (resumindo: "Como cê sabe que seu filho vai ser pegadô?") a resposta dele foi:

"Cê não viu nada, menina! Meu fio quando senta no colo de muié ele se abre todo! Agora se vem um macho, ele nem chega perto! Meu filho é muito macho!".

Fuck.




Quer apostar quanto que o moleque vai ser bichinha? =P
Acho que só por ironia do destino. Uma coisa não tem nada a ver com a outra, meu caro desdentado!

0 comentários:

Postar um comentário

Arquivos do blog