terça-feira, 9 de abril de 2013

Achalanatha, o imóvel


Já é o segundo Achala que eu faço, hehe. Acho que aqui posso dividir com vocês o processo até chegar nesse resultado.

Eu já tinha feito uma arte digital dele. Ele está ali no topo do blog, grandão. Eu queria fazer mais um, só que dessa vez no estilo mais de pintura. Então, fui pesquisar as formas de representar o nosso amigo que chupa limões. Achei diversas, entra elas uma me chamou a atenção, que está no Metropolitan Museum of Art.

É uma pintura dele numa mandala, pintada por volta do século XV. O Achala em esculturas em geral não podemos ver a sua cor, por ser de bronze. Nas pinturas ele em geral é colocado como azul, numa cor bem escura. Foi daí que eu tirei a cor, não tem nada a ver com o Avatar de James Camerron.

0 comentários:

Postar um comentário

Arquivos do blog