quinta-feira, 13 de fevereiro de 2014

Como é um treinamento budista. #4

Enfim chegamos ao dia 31 de janeiro. Primeiro dia do fechamento.

Como de praxe, acordei ás 4h30, fiz ablução, fiquei esperando as pessoas chegaram às 6h da matina, mas ninguém veio. Enquanto fazia o treinamento do meu lado estava a Meggie, a cachorrinha da casa. É da raça lhasa apso, famosa por serem criadas junto com monges budistas, sendo um cão bem dócil e que late pouco com o dono.

Fui pro trabalho, e por volta das 16h recebi uma ligação: "Alain, vá pra sala de reunião, por favor". Quando abri a porta pra ir lá senti que estava se aproximando, a demissão. E de fato foi isso que aconteceu. Meu supervisor estava na sala junto da menina do RH, que é uma amiga minha. Disse que era uma situação difícil, que uma vez que o dono da empresa põe isso na cabeça fica difícil de tirar, e que por isso decidiu me demitir. Desculpas esfarrapadas de chefes, coisa de praxe, quem foi demitido sabe que o mesmo discurso sempre se repete.

Porém eu vi como isso estava sendo difícil pra ele me demitir. A própria amiga minha do RH estava com os olhos marejados, e eu estava tranquilo, estava em paz. Em algum momento os parei e disse o real motivo da minha demissão que eu imaginava, e a resposta dele foi se calar, afinal era verdade. Talvez num momento de demissão a gente seja realmente testado pelos Budas, e como ser humano claro que minha vontade era voar com o punho cerrado sobre meu chefe, mas fiquei tranquilo, recebi a notícia e ainda o ajudei a dar a notícia.

Dias depois fiquei sabendo que a menina do RH depois de me dar a notícia se trancou no banheiro e quase vomitou, de tristeza mesmo, e isso porque eu fiquei firme e tranquilo como nunca estive na vida.

Começar o primeiro dia do fechamento do Treinamento com a notícia que estava demitido. Provavelmente isso deixaria qualquer um bastante transtornado pra continuar, mas eu não deixei isso abalar. Fui pra casa e realizei o treinamento tranquilamente e nem me lembrei que estava na degola no serviço.

Três pessoas vieram, e tudo correu de maneira ótima!

0 comentários:

Postar um comentário

Arquivos do blog