sábado, 16 de junho de 2007

Vamos começar hoje com uma foto do Kaoru, o líder e guitarrista da banda nipônica Dir en Grey! Ok... Faz tempo que eu não posto uma foto dele, mas deu crise de identidade.

Sim, pq hoje temos que comemorar! Pois foi uma semana do cão (foi o cão que botou pra nois beber!) e hoje enfim eu posso, assim como o resto do pessoal da faculdade, e respirar em paz. Ao menos começar a respirar em paz até as notas definitivas saírem.

Afinal o primeiro semestre da nova faculdade foi um tanto... Interessante. Nova correria, e bem mais frenética que na passada. Também pudera... Estou há mais de uma semana sem postar. Mas devo dizer que o feriadão do dia 7 até o dia 10 não teve nada de bom, exceto a conclusão de muitos trabalhos ferrados que nos deram muito trabalho. Mesmo assim na segunda conseguimos escapar da sociologia, logo poderemos fazer uma apresentação melhor, e Projeto Experimental nem me lembro direito o que tivemos...

Na terça fui pra faculdade vadiar pq já tinha as notas concluídas em desenho (oh yeah!), e na quarta apresentamos rapidamente o trabalho de teoria do design e ainda deu pra pegar um cd bom do Korn e ficar ouvindo até agora. Eles fazem um som bacana. Na quinta foi bem sussegado, entrega de trabalhos e na sexta enfim concluímos a inutilidade-acadêmica-e-da-vida-e-perda-de-tempo de Rube Goldberg. E acreditem: funcionou magicamente.

E ainda fui pela primeira vez á balada! Olha só heim, quem diria? Mas não fiquem cantando vitória, pois sou um cara muito gente-fina e não bebi nem fumei! \o\ Sim caros amigos... Na verdade eu acho interessante eles lugares que eu vejo que na verdade eu não me encaixo nem a pau na filosofia dos jovens de "Carpe Diem" nem nada do tipo... Eu sou um cara com um autocontrole muito excessivo e vejo que é por isso que eu acabo não me enturmando com as pessoas exatamente por serem voláteis demais e eu ser racional e frio demais... u___u~~

Ok. quem me conhece e ainda vive sabe que eu nunca fui assim, mas... ARGH... Agora que eu to vendo. Agora que eu to tendo exatamente o que eu mais quis na minha vida, ser alguém frio e calculista, um mero ator que finge rir, se divertir, que somente liga em passar a todos o que eu quero mesmo passar. ><'~~

Pois é.. E acreditem, eu desejava isso. Na verdade já faz um ano que eu acabei tendo a estopim para isso, e quase um ano que eu decidi me fechar mesmo e tornar-me frio, mas acho que estou sendo frio demais e eu quero talvez ter sentimentos de novo. Mas por outro lado eu lembro pelo que eu passei e... Nossa... isso parece crise de identidade cruel.

Enfim, não me recrimino mas também não me vanglorifico. Acho que no fundo eu fico mesmo em cima de muro, na linha tenue entre a frieza extrema e o calor abundante, mas ultimamente eu sei que estou cada vez mais caindo pro lado da frieza e tenho que me controlar, pq eu desejei isso. Desejei ser uma pessoa fria com todas as minhas forças, e agora que eu estou experimentando o que desejei eu tenho que reclamar?

Putz... Isso tá me dando dor de cabeça. >< Mas juro que paro por aqui. Mesmo eu "não sendo igual às dezenas de pessoas lá na balada", eu me sinto feliz. E me diverti bastante, foi um lugar de boa música e deu pra dançar um bocado (embora muitas músicas eu não conhecia e outras tantas não tinha gostado, eu me diverti nas que eu conhecia... Epa, peraê... Se eu fosse tão frio eu não teria me divertido e... Pois é, essa é a linha tênue que eu sempre falo, ou vc vai feio em uma, ou se esborracha na outra...).

Ah, e valeu a Cris pelo passeio e às amigas dela tb! /o/

Acho que é por isso que eu tb não consigo namorar, heuaheua... Acho que estou congelado demais, frio demais até com mulheres. Trato-as bem, afinal sou um gentleman, mas não faço mais que isso. Se quiser amizade, também estou disposto, mas dou um grande ponto final aí pq oras... Já me acostumei a ser assim, colegas. Eu desejei ser o que eu sou, e agora só tenho que arcar com as consequências do que eu desejei.

E hoje fui ver Pirates of the Caribbean 3 - At World's End, e... UAU... Sem comentários. Embora tenha ouvido somente críticas, achei totalmente incrível. Não achei melhor que o segundo, mas se equipara a ele. O segundo digamos que recebeu a nota 10, e o 3 recebeu nota 9,8... Só pecou em duas coisas: ter mostrado os outros piratas lutando e tendo mais participação. Mas aí o filme teria mais de 4 horas, e ele já tava bem grandinho (quase de 3 horas!).

E eu indico, embora tenha ouvido muitas críticas, eu indico com louvor! Ainda acho o primeiro fraquinho, mas os outros dois é que o filme torna-se um verdadeiro filme não apenas de fantasia, mas de aventura. =)

No mais amigos, vamos voltar à rotina de postagens!

0 comentários:

Postar um comentário

Arquivos do blog